Temor a Deus

A morte espiritual é uma realidade para todos os seres humanos e tem sido tratada como natural. Mortos vivos fazem parte de nossa comunidade simplesmente porque ainda tem prazer no pecado.


Poderia perguntar quem está afastado de Deus? Por acaso alguém responderia que sim ou a consciência prontamente se declara justa? Sabe como a consciência se autodeclara justa? Quando você se compara com alguém. Ex: “Eu não faço isso ou aquilo, fulano faz”. Ou então o Deus de amor a quem servimos, nessas horas, nos serve de escudo e novamente a consciência diz: “Deus é amor, sabe que eu fiz tal coisa sem intenção”.


A expressão que Deus é amor tem sido banalizada. Se Deus é amor então tudo é possivelmente aceitável por Ele em nome do “amor”.


E o que é o amor? Podemos dizer mesmo que AMAR é a plena aceitação de tudo? De maneira alguma. Você que é pai/mãe pode pensar na sua posição como tal e então deixaria seu filho fazer o que quer simplesmente porque o ama?


Em nome do “amor” jovens que temem a solteirice tem entregue sua virgindade por carência (fornicação); Adultos querem amar sexualmente crianças (pedofilia); Escolhe-se trair o cônjuge pra buscar a sua felicidade – “o melhor de Deus está por vir” (adultério); Opta-se pelo aborto por “amor” a si mesma, ao seu próprio corpo (assassinato). Por “amor” há violência e maus tratos; por “amor” se mata!


Estamos falando de que? Qualquer coisa, menos o amor de Deus.

A única conclusão que consigo tirar é que diante da normalidade do pecado, perdeu-se o Temor ao Senhor.


Pv 9:10 “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo a prudência.”


Vale muito a pena sermos analíticos em algumas situações, basta ver o resultado delas. Se tomamos decisões de acordo com a Sabedoria o resultado será bom, não somente para você mas para os outros, para o próximo.


Se os resultados que você plantou até hoje foram desilusão, mágoa, rancor, desobediência, solidão, medo, você está fazendo algo de errado. De alguma forma lhe falta sabedoria e se falta sabedoria, lhe falta temor. Conhecer a Deus te concede prudência - virtude que faz prever e procura evitar as inconveniências e os perigos.


O temor do Senhor nos leva a ter uma perspectiva diferente sobre o pecado, passamos a não querer desagradar a Deus. Quando pecamos contra nós mesmos ou contra o próximo, sabemos que estamos ferindo a Deus. Buscar a santidade para não ir para o inferno é diminuir muito a Soberania e Grandeza de Deus. Devemos buscar ser separados porque amamos ao Senhor e não queremos desapontá-lo, É verdadeiramente amar a Deus acima de todas as coisas.


Temer a Deus, é reconhecer que Ele é maior que nossa vontade, ser devoto de Sua presença, as verdade dEle são o caminho para seguir. Você prova que teme a Deus quando é obediente à sua voz e Sua Palavra.


Deus não enviou Jesus para que nos sentíssemos bem com nós mesmos. Seu sacrifício não foi um livramento de consciência humana, mas foi uma maneira de nos reaproximar do Pai, de reestabelecer a comunhão, de viver o plano original.


Em Levítico 11:44-45, Deus desafia os israelitas com estas palavras: "Sejam santos, pois eu sou santo." Ele não queria que seu povo escolhido visse a lei como uma coleção cansativa de ordenações sem significado, mas como um meio de criar e preservar o caráter santo que Deus deseja que seus amados tenham.


“Examine-se, pois, o homem a si mesmo e assim coma deste pão e beba deste cálice”. Examinar-se a si mesmo, não segundo o seu próprio evangelho, nem segundo os achismos ou crenças pessoais ou conveniências. Examine-se de acordo com o padrão: Jesus. Ele é a medida.


Que o Senhor restaure o Temor ao Seu Nome entre nós.


Pra. Krystian Walléria


53 visualizações

MISSÃO PAIXÃO & COMPAIXÃO

Rua Visconde de Utinga,

nº 130 Flores - Manaus, AM

 

 

Telefones

(92) 3302-3719

(92) 98414-2556

 

Encontre-nos

Links

Prancheta 6.png

EMA

 

Prancheta 7.png
Prancheta 5.png
Prancheta 4.png

Receba Notícias por e-mail